FANDOM


Barraprodutos
The harpooned heart 2


O Coração Arpoado (Do inglês "The Harpooned Heart") é o primeiro romance escrito por Marge Simpson.

O que inspirou a Marge à escrever o livro foi durante sua visita a uma livraria em Springfield em que a escritora Emsé Delacroix está falando sobre seu livro. Ao perguntar-lhe sobre o modo de se escrever um romance, ela recebe a resposta de que não precisa de treinamento, só vontade e inspiração.

Sinopse

A história se passa na época de caça as baleias. Temperence Barrows é casada com Capitão Morticai, que é um "bruto" - segundo descrição do próprio livro - e tem dois filhos: Bartabe Barrows e Lisakaiah Barrows. O capitão Morticai a maltrata alem de quase nunca estar em casa (ele fica no "Bar do Moab's"). Fato que contribui para que ela acaba tendo um romance com um outro capitão, o Cyrus Manley. No fim, Morticai acaba por matar Manley num penhasco com um arpão, mas a corda fica presa ao seu pé e ele cai do penhasco junto, puxado pela baleia ("única baleia que Temperence realmente gostava") que foi atingida pelo arpão para o fundo do mar.

Processo Criativo

A idéia de se fazer um livro sobre pesca de baleia veio do quadro que os Simpsons tem na parede. Um desenho de um barco e com a inscrição "cena de Moby Dick".

Os personagens do livro são todos baseados na vida cotidiana da Marge. Temperence - a personagme principal do livro - é baseada nela mesma. Inclusive, numa página no terceiro parágrafo ela muda, sem querer, o nome Temperence para Marge. Como o Otto percebeu.

O personagem do Capitão Morticai no início era para ser um bom marido, de cabelos longos, que caçava baleias e cuidava de sua família. Mas ao Marge ver Homer chegar em casa e nem sequer ouví-la, ela muda o personagem para um careca bêbado que é fracassado na caça as baleias e para jantar traz uma gaivota.

O personagem do Cyrus Manley é baseado no Ned Flanders, que ao aparecer na janela da Marge ela se inspira a escrevê-lo. O que fica muito claro para os leitores, que fofocam sobre o como o livro espoem o casamento ruim de Marge e Homer e sua suposta atração pelo vizinho, Ned Flanders.

Recepção do livro

A escritora Emsé Delacroix quando recebeu o resumo do livro feito pela sua secretária, ela se encantou e apoiou o lançamento do livro da Marge. Falou com alguns escritores amigos seus, que mesmo sem ter lido o livro, deram declarações elogiosas sobre.

Lisa foi a primeira a ler, antes dele ser lançado e, apesar de ela achar o livro meio ruim e até sentir ciúmes pelo fato da Marge lançar um livro antes dela, sua consciência pesou mais e ela elogiou o fato de sua mãe ter se expressado artisticamente. Mas a mesma percebeu forte influência da vida cotidiana da Marge no livro ("Esse personagem parece ser inspirado no papai"). E pediu que ela deixasse o Homer ler antes de lançar.

Homer não tinha vontade nenhuma de ler e fingiu ter lido para agradar Marge ("Vamos a esse maravilhoso 

Olsen simpsons

tempo entre a mentira e o tempo que leva para ser descoberta"), mas após ver os comentários da cidade sobre o livro da Marge - principalmente o que disse o Apu - fez com que ele ouvisse o audibook do O Coração Arpoado lido pelas irmãs Olsen.

O resto da cidade levou o livro como motivo para fofocar sobre Marge e Homer, alem de insinuar um possível romance entre Marge e o Flanders. Já a crítica odiou o livro, foi muito mal recebido, o que desanimou a Marge para escrever uma continuação, que inclusive ja tinha título ("The Harpooned Heart II: Thunder Down Under"), mas que acabou não sendo escrito.

O livro tambem fez com que Homer tentasse ser um marido melhor, pedindo conselhos ao Flanders.

Aparição

Desabafos de Uma Dona de Casa Furiosa

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.